domingo, 3 de julho de 2011

Aviões Influenciam o Clima Local Quando Decolam e Aterrissam


 
Para quem gosta de procurar evidências conspiratórias nos "Chemtrails", uma pesquisa interessante ...


Notícia divulgada pelo Daily Mail - UK


Viver perto de aeroportos pode não só levar os moradores, a sofrer com noites sem dormir, mas também pode criar um tempo terrível, dizem os cientistas.

Um estudo extraordinário sugere, que aeronaves aumentam as chances de neve e chuva quando decolam e pousam. Aparentemente, os efeitos que os aviões a jato causam, penetrando através das nuvens, são similares às operações de "semeadura de nuvens", onde os cristais de gelo são criados na atmosfera para fazer chover.


Buracos causados nas nuvens por aviões

A imagem acima, mostra o efeito que um avião pode ter. O buraco foi criado por um avião a voar através de uma nuvem super-resfriada. Isso cria cristais de gelo que, por sua vez afetam gotas de água vizinhas. Isso faz com que o buraco se expanda e aumente as chances de chuva ou neve.

Os resultados, publicados na revista Science, respeitado acadêmico, são baseados em imagens de satélite de nuvens em torno dos aeroportos e modelos de computador do comportamento da nuvem.

O efeito colateral de voar, é provável que seja mais óbvio em torno de aeroportos mais movimentados do mundo, como Heathrow, onde mais de 1.200 aviões aterram ou descolam todos os dias.  O fenômeno ocorre quando a aeronave rompe a nuvem, contendo água 'super-resfriada'. Como o avião passa rapidamente através de uma nuvem, o ar atrás das asas e hélices expande e esfria rapidamente. Estas quedas bruscas de temperatura pode ser suficiente para congelar as gotas de água super-refrigeradas, transformando-as em um fluxo de gelo.  Com o tempo, os cristais de gelo crescem e afetam gotas de água vizinhas, a criação de um buraco na nuvem que se expande por várias horas, aumentando as chances de chuva ou neve no chão embaixo.

O Dr. Andrew Heymsfield, do Centro Nacional para Pesquisa Atmosférica, em Boulder, Colorado, disse que aeronaves aumentam as chances de neve quando eles fazem buracos nas nuvens depois de decolar e quando eles criam "canais" nas nuvens quando estão descendo. O estudo descobriu que as camadas de nuvens super-resfriadas são encontradas com rombos de 62 quilômetros, nos aeroportos mais importantes do mundo, pelo menos, cinco por cento do tempo. Os efeitos da semeação de nuvens são mais visíveis perto dos pólos norte e sul.

Os pesquisadores analisaram 20 imagens de satélite da cobertura de nuvens com furos suspensa sobre Texas em um dia em janeiro de 2007. Alguns dos buracos eram visíveis por mais de quatro horas e cresceram mais de 60 quilômetros de extensão. A equipe então analisou dados de vôo a partir da Federal Aviation Administration EUA, para descobrir o que as aeronaves tinham voado em cada área, entre 4,3 e cinco quilômetros de altura, no mesmo dia.  Eles descobriram que uma variedade de aeronaves pode produzir buracos incluindo jatos jumbo, aviões militares e jatos particulares de único motor.

Os pesquisadores dizem que é improvável que as aeronaves afetem o clima global. No entanto, eles podem aumentar a necessidade de aviões de degelo com mais freqüência no futuro, eles dizem.  Não é a primeira vez que cientistas ligam o clima a  aeronavesNo início deste ano, um estudo concluiu que trilhas de condensação, formadas quando o vapor de água congela na saida dos motores das aeronave,  podem estar fazendo mais, para aquecer o planeta, do que os gases do efeito estufa, liberados pelos motores dos aviões.

 

Fonte: Daily Mail
Leia a notícia completa em inglês AQUI

Tradução e adaptação da notícia: A.Mace




Comentário do Autor 

O que antes parecia, apenas um monte de gente falando em teorias da conspiração, sobre os famosos e tão discutidos "Chemtrails", agora está " ... se mostrando como uma pedra submersa na maré que baixa ... Logo mais verdades vão aparecer, é tudo uma questão de tempo e maré, para a água recuar ainda mais e mostrar a mortal destruidora de cascos".

A.Mace



Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...