sexta-feira, 29 de julho de 2011

Extremos Climáticos Continuam Implacáveis


Crédito: Euronews


Por Abreu

Por certo existe uma forte correlação com o "Clima Espacial" e com "as influências cósmicas ainda não perfeitamente explicadas pelas autoridades". Apesar de toda a "corrida no envio de sondas espaciais", os organismos internacionais parecem que fizeram um "pacto de silêncio", mas um pacto que não consegue calar os "gritos de socorro" desse nosso tão combalido planeta terra.

Onda de calor e incêndios florestais atingem a Rússia, sem contar com os incêndios, que levam meses fazendo estragos e seguem assolando milhares de hectares do país.

Segundo um comunicado do ministério de Situações de Emergência, nesta quarta-feira havia 220 focos ativos, sobretudo no noroeste do país.


27 de Julho de 2011 - da FP

Moscou, Rússia, 27 de Julho de 2011 (AFP) - Uma onda de calor atinge novamente a Rússia com temperaturas que superam aos 40 graus no sul e os 30 inclusive no Ártico, enquanto os incêndios florestais voltam a queimar milhares de hectares após a catástrofe do verão (boreal) de 2010, informaram as autoridades.

A temperatura nesta quarta-feira em Moscou era de 33 graus Celsius, o que fazia com que o ar nesta cidade fosse irrespirável.  Segundo o serviço meteorológico russo, a temperatura alcançou os 42 graus em regiões do sul, como Saratov, e 40 na de Samara, banhada pelo rio Volga.

"Devido à extensão das massas de ar subtropicais até quase o círculo polar, a temperatura alcançou no dia 26 de julho recordes absolutos" nas regiões do Grande Norte, acrescentou o serviço de meteorologia, que informou sobre 33,2 graus na região de Arjánguelsk, às margens do mar Branco.

Uma onda de calor e uma seca sem precedentes atingiram a Rússia no verão boreal de 2010. O país teve que proibir as exportações de cereais e foram registrados 11 mil falecimentos adicionais em Moscou em dois meses em relação a este mesmo período do ano anterior.

Sem contar com os incêndios, que levam meses fazendo estragos e seguem assolando milhares de hectares do país. Segundo um comunicado do ministério de Situações de Emergência, nesta quarta-feira havia 220 focos ativos, sobretudo no noroeste do país.


Clique no ícone para ver o vídeo da reportagem



Fonte do vídeo: Euronews
Fonte da notícia: UOL - Grupo RCC


A.Mace
Colaboração: Abreu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...