sexta-feira, 1 de julho de 2011

Incêndio em Los Alamos, Novo México - Continua o Combate


Destak.pt - EUA

Incêndio junto a laboratório nuclear de Los Alamos continua por controlar

30 | 06 | 2011 - 08.40H


O incêndio que já destruiu mais de 28 mil hectares junto ao laboratório nuclear de Los Alamos, no estado do Novo México, continua por controlar e o governo enviou um avião para medir os níveis de radiação no local.

O fogo aumentou a área atingida em 12 por cento na quarta-feira e estima-se que possa destruir cerca de 40 mil hectares na região apesar dos esforços dos mil bombeiros que se encontram no local apoiados pela Guarda Nacional para controlar as chamas.

O fogo atingiu na segunda-feira uma área das instalações nucleares, mas as chamas foram extintas rapidamente, segundo os responsáveis pelo laboratório de Los Alamos.

Como medida de precaução, o governo norte-americano enviou na quarta-feira um avião equipado com monitores de radiação para a zona do laboratório, que tem suspensas desde segunda-feira milhares de experiências científicas devido ao fogo.

A mesma aeronave, que tira fotografias e imagens de vídeo, foi enviada a 11 de setembro de 2001 para Nova Iorque para recolher amostras do ar após os ataques terroristas às Torres Gémeas, bem como para Nova Orleães, em 2005, por causa do furacão Katrina, e para os Jogos Olímpicos de Salt Lake City, em 2002.

Os resultados preliminares das várias análises efetuadas à qualidade do ar pela Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos não indicaram a presença de partículas radioativas na região.

“Este é um fogo como qualquer outro no Novo México”, garantiu o diretor do laboratório de Los Alamos, Charles McMillan, em declarações que pretendiam tranquilizar a população, reiterando que os materiais radioativos armazenados nas instalações do laboratório não estão ameaçados pelo fogo.

O laboratório de Los Alamos dedica-se à investigação sobre armas nucleares, tendo desenvolvido a primeira bomba atómica durante a II Guerra Mundial, sendo, a par do Laboratório Nacional Lawrence Livermore, o único onde se realiza investigação classificada sobre o desenvolvimento de armas nucleares nos Estados Unidos.

Neste laboratório, onde trabalham cerca de 10 mil pessoas, são também desenvolvidos estudos e investigações em áreas como a medicina, energias renováveis, segurança nacional, nanotecnologia, entre outras.

Los Alamos, onde residem cerca de 12 mil pessoas, foi evacuada na quarta-feira devido ao receio de que o fogo que deflagrou no domingo afetasse a zona urbana.

Fonte/Crédito: Destak.pt
Link da notícia AQUI
Repasse de Informação por Gério Ganimedes - Projeto Quartzo Azul ©©

Colaboração: Abreu

Complemento: ABCNews

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...