quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Clima Espacial Está Provocando Alterações Climáticas Severas

Foto/crédito: www.d24am.com

Por Abreu

A "Onda de calor" que afetou os norte-americanos está descendo na direção da América do Sul. Teremos, provavelmente, temperaturas elevadíssimas em nossa primavera e verão e, por conseqüência, violentas tempestades e inundações.

Segue a Notícia:

09/08/2011 - 19h36

Estiagem provoca sensação térmica de 41 graus em Manaus

KÁTIA BRASIL DE MANAUS

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) informou que a população de Manaus enfrentou sensação térmica de 41 graus, entre 12h e 16h desta terça-feira. O forte calor é decorrente da estiagem que ocorre na estação seca, que começou no mês passado na Amazônia Ocidental.

Nesta época do ano, a sensação térmica esperada é de até 37 graus.

Segundo a meteorologia Adalberto Veríssimo, há 13 dias não chove em Manaus. No mês de agosto, as chuvas oscilam, na média, 78,6 milímetros.

Hoje, a temperatura marcou 35,4 graus. A umidade relativa do ar está baixa, com 42%. "A população tem que beber bastante água para enfrentar esse período de estiagem", disse a meteorologia.

O Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) informou que análises mostram que as mudanças climáticas vão piorar as secas em parte da Amazônia. Segundo as projeções, alguns dos rios que cortam a floresta podem ficar sem navegabilidade.

O Serviço Geológico do Amazonas disse que a navegabilidade nos rios é crítica no sudoeste da Amazônia. O rio Acre enfrenta uma grande seca. No dia 4 de agosto o nível do rio chegou a 1,82 metros --faltando apenas 18 cm para se igualar à maior vazante, registrada em 2005. 

Naquele ano, o nível do rio Acre chegou a 1,64 metro.

O engenheiro hidrólogo Daniel Oliveira disse que a seca do rio Acre influencia a vazante do rio Purus, que é afluente do rio Solimões. Ele disse que é cedo para dizer se a seca será grande no Solimões, que, junto com o rio Negro, forma o rio Amazonas. "Por enquanto os níveis do Negro e Solimões estão normais", afirmou.

QUEIMADAS

Além da estiagem, Manaus já sofre com a poluição do ar em consequência das queimadas. No mês de julho, o Corpo de Bombeiros registou 72 incêndios florestais. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade disse que antecipou a campanha de combate a queimadas com ações educativas. A fiscalização do órgão vai multar os responsáveis por queimadas.

Fonte: Portal Folha de São Paulo

Comentário
por Mace - Corneta Diário

Alterações na Dinâmica Elétrica, em consequência das explosões solares,  continuam fazendo vítimas e as autoridades continuam imóveis e caladas, até quando vão esconder a verdade?

Onde estão as autoridades, para revelar as reais causas da instabilidade elétrica? Antes era culpa da LIGHT, pois os casos estavam restritos a cidade do Rio de Janeiro e as desculpas "esfarrapadas" eram vazamento de gás no interior dos condutores subterrâneos, inundação nas galerias dos condutores elétricos e componentes, falha de transformadores. Só que agora os casos se espalham pelo Brasil e pelo mundo. 

Vão continuar em silêncio? Até quando os governos vão manter esta cortina escura, ocultando do público a verdade? Será preciso uma tampa de bueiro cair na cabeça de um político, deputado, governador ou prefeito e matar o infeliz ou algum ente querido deles? Será que o número de feridos como, conseqüência destas anomalias vai ter que aumentar, para que tomem a frente e apresentem justificativas e explicações plausíveis para o povo?

O que irrita, é que parece que somos completos ignorantes e imbecis ...

Acordem pelo amor de Deus! ... E vamos juntos, pressionar os órgãos governamentais, para que divulguem o que está acontecendo na VERDADE!

Segue a notícia:
Bueiro explode e deixa pedestre ferido no Centro de Belo Horizonte

Acidente ocorreu no cruzamento da Avenida Santos Dumont com a Rua Curitiba

Daniel Silveira – Landercy Hemerson
Publicação: 09/08/2011 21:14
Atualização: 09/08/2011 23:05

Esta foi à segunda explosão em rede subterrânea da Cemig na capital mineira em pouco mais de um mês; nas duas ocorrências houve vítimas.
Um homem de 32 anos ficou ferido na noite desta terça-feira na explosão de uma galeria da rede elétrica subterrânea da Cemig no Centro de Belo Horizonte. O incidente ocorreu por volta das 20h, na Avenida Santos Dumont, em frente o número 680, próximo ao cruzamento com a Rua Curitiba, e danificou parte de uma lanchonete. Em pouco mais de um mês, é a segunda explosão em galeria da empresa. Na tarde de 4 de julho, um adulto e uma criança tiveram ferimentos leves, em ocorrência semelhante ocorrida no cruzamento das ruas Carijós e Curitiba.

De acordo com testemunhas, Marcos Antônio Silva caminhava pelo local em companhia de dois colegas quando ocorreu a explosão. Ele foi atingido por destroços na cabeça, sofreu escoriações e teve a visão do olho direito afetada. Marcos foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e levado para o Hospital João XXIII.

O balconista Edinei da Silva, de 38, que trabalha no Bar e Lanchonete Moeda, em frente ao local, disse que além da forte explosão, houve chamas que saíram da galeria pela grade. “O fogo se apagou sozinho. Mas as pessoas ficaram assustadas e correram para os fundos. Cerca de 20 clientes estavam aqui e nenhum foi atingido. Só mesmo o rapaz que estava na rua se feriu”.

Parte do teto de gesso do estabelecimento desmoronou. O gerente do bar, José Carlos Ferreira Silva, de 37, disse que funcionários da Cemig que estiveram no local não deram explicações sobre as causas da explosão e apenas isolou a área. “Ninguém falou como vai ficar meu prejuízo”. Devido a explosão, houve queda de energia na região por aproximadamente cinco minutos.
Fonte: Portal UAI

Colaboração: Abreu
Edição, montagem: A.Mace



Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...